Quantas calorias tem um COE?

Na semana passada falamos sobre nosso novo estudo sobre os Certificados de Operações Estruturadas, os chamados COEs. O objetivo desse estudo é divulgar o retorno esperado de um número grande de COEs –essa informação é muito importante mas infelizmente nunca é divulgada. Descobrimos que a grande maioria dos 284 COEs analisados apresentava um retorno esperado inferior ao que era possível obter com uma LTN no Tesouro Direto. O estudo pode ser baixado aqui.

Já faz um tempo que alertamos para o fato de os COEs apresentarem baixos retornos esperados. Em novembro do ano passado, falei disso e de como os COEs podem ser falsamente atrativos.   
         
Os COEs não são uma invenção brasileira: eles são distribuídos nos Estados Unidos e na Europa há algum tempo. Em um influente artigo publicado no periódico de maior prestígio em economia, o Quarterly Journal of Economics, Célérier e Vallée (2017) estudaram um grande número de produtos estruturados vendidos a pessoas físicas na Europa entre 2002 e 2010, e concluíram que quanto mais complexo o produto, pior era o retorno esperado para o investidor e maior o mark-up para o emissor. Além disso, os autores sugerem que a complexidade do produto era utilizada para tornar o produto aparentemente mais atrativo para o investidor desinformado.

Seja no Brasil, Estados Unidos, Europa, ou em qualquer outro lugar, uma decisão informada requer informação! Quando compramos um alimento no supermercado, estamos acostumados a checar a tabela nutricional que está na embalagem. O mesmo deve ser feito com os COEs. Por isso, da próxima vez, pergunte pelo retorno esperado do COE que estão te oferecendo.


Para ficar por dentro do que rola no Por Quê?clique aqui e assine a nossa Newsletter.



Siga a gente no Facebook e Twitter!
Inscreva-se no nosso canal no YouTube!
Curta as nossas fotos no Instagram!





Tags do post:

COE economia

BLOG

Faça nosso teste e saiba como está sua saúde financeira!

QUERO FAZER O TESTE

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.