A inflação derreteu só por causa da recessão e dos alimentos?

Não há outra maneira razoável de descrever o fenômeno: a inflação no Brasil simplesmente DERRETEU. Veio de uns 10%, em 2015, para 6,5%, em 2016; e, finalmente, 2,9% em 2017. Vertiginoso. Nunca dantes visto na história. O que aconteceu? Uma baita recessão, é verdade, tampouco previamente vista. E nesse ano de nosso senhor de 2017, os preços dos alimentos ajudaram. Sim, verdade verdadeiríssima. Mas não pode ter sido apenas isso. Por quê? Para entender melhor, em vez de olhar a inflação cheia, vamos olhar a inflação dos serviços. Isso de não olhar a taxa cheia é importante pelo seguinte motivo: a gente meio que isola o efeito da ajudinha dos alimentos e outros fatores de natureza similar, como valorização do real. A inflação de alimentos mexe pouquíssimo com o preço de um corte de cabelo ou do serviço de TV a cabo, por exemplo. Pois bem, olha só o que aconteceu com a inflação de serviços no Brasil: INFLAÇÃO 2017 PREÇOS SERVIÇOS Primeiro: a resiliência, a força, a impetuosidade da inflação entre 2012 e 2016 são notórias. Não dá para explicar quatro anos de inflação bem alta, na casa dos 8%, por acontecimentos inesperados e desafortunados, fora do controle do Banco Central. Segundo: é óbvio que uma recessão catastrófica que começa em 2014, ganha pé em 2015 e se estende por 2016 teve influência. Mas veja você, caríssimo leitor: mesmo no período que vai de 2015 a 2016, no qual a recessão foi brutal, a inflação de serviços segue lá nas nuvens – é até pior que isso, pois a recessão começa em 2014. Por que a inflação demorou tanto tempo para declinar? Alguém vai dizer: “porque tem defasagens, demora mesmo”. Ok, mas dois anos? E depois cai que é uma beleza, ligeirinha para baixo?  Não parece ser o principal fator. O principal fator, na visão do Por Quê?, foi o seguinte: saiu um Banco Central por anos leniente com a inflação e entrou outro decidido a extirpá-la. O nome disso é: credibilidade. Credibilidade faz milagres? Faz. É uma das únicas fontes de milagre em economia, a propósito.   Para ficar por dentro do que rola no Por Quê?, clique aqui e assine a nossa Newsletter.
Siga a gente no Facebook e Twitter! Inscreva-se no nosso canal no YouTube! E curta as nossas fotos no Instagram :)


BLOG

Faça nosso teste e saiba como está sua saúde financeira!

QUERO FAZER O TESTE
Preços esquisitos

Preços esquisitos

O poder do exemplo

O poder do exemplo

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.