Por que o sistema de repartição predomina entre os países?

Quando esses sistemas entraram em vigor, os países apresentavam uma população relativamente jovem, ou seja, muitos trabalhadores para poucos aposentados. Nessa situação, um sistema de repartição é politicamente muito atraente. Permite arrecadar muito (taxando os muitos trabalhadores) e gastar pouco (com os poucos aposentados).

Mas fazer a transição de um sistema de repartição para um de capitalização é extremamente custoso. Se hoje o governo decide mudar de sistema, ele deixa de arrecadar para fazer transferências. Passa a colocar o dinheiro nas contas individuais. Mas há uma geração que contribuiu no sistema antigo e que ainda precisa receber sua aposentadoria. E o governo tem que arcar com esses benefícios, mas não conta mais com a arrecadação vinda da taxação sobre os trabalhadores.

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.