Quão violento é o Brasil?

A violência no Brasil é maior que em outros países do mundo? A resposta é dura. Um pouco de evidência empírica deixa claro o tamanho do buraco em que nos metemos, e mostra como a profundidade dele varia entre países e mesmo entre regiões dentro do nosso violentíssimo Brasil. O primeiro dos gráficos – elaborado a partir de dados do Banco Mundial para 2014 – mostra que a quantidade de países violentos é mais baixa do que se pensa. Dos 100 países para os quais temos dados, apenas 30 apresentam taxas de homicídios maiores que 5 por ano por 100 mil habitantes. Nos Estados Unidos, para comparação, o número médio é um pouco superior a 4. grafico folha 2.20.03 Entre os 10 países mais violentos, 9 se encontram na América Latina (a exceção sendo a África do Sul). Entre os 15 mais violentos, 13 vêm do continente do Colombo! Seja por motivos culturais, seja pela péssima qualidade da política de segurança (preferimos a segunda explicação), nosso continente é bem mais violento do que seu PIB ou nível de desigualdade nos faria supor. Voltando-nos para nosso próprio umbigo, os dados sugerem uma tremenda variação entre os municípios para os quais dispomos de dados. Mas antes de olharmos esses dados, vamos fazer um parêntese técnico: Um histograma é um gráfico no qual colocamos vários níveis da variável de interesse no eixo x - por intervalos, digamos, 0-5, 6-10, 11-15, etc... – e no eixo y mostramos o número de observações para cada intervalo. O pessoal do Mapa da Violência agrega os dados de homicídios por Município no Brasil. Cerca de 60% dos municípios são cobertos. A figura que emerge por trás do número médio de 24 homicídios por 100 mil habitante no vasto Brasilzão é a seguinte: grafico-folha-2.20.03 Como mostra o gráfico acima, há muitos municípios sem assassinatos no Brasil. E também uma cauda de distribuição bem violenta, nossa Honduras (homicídios>60 por 100 mil). O problema é que esses nada violentos são pouco representativos em termos de números de habitantes. Nos municípios grandes, a coisa muda. Vemos isso no gráfico abaixo, com os dados para os municípios brasileiros que em 2014 tinham mais do que 500 mil habitantes. Na imensa maioria desses, a taxa de homicídios por 100 mil é maior do que 10 por ano. Abaixo desse valor, apenas alguns gatos pingados no estado de São Paulo. E entre esses municípios grandes, apenas um fica pertinho da média de 5,2 assassinatos por 100 mil de todos os países fora da América Latina. Todos os países, não apenas os ricos. grafico-folha-3.20.03 Por fim, em que região se encontram os 30 municípios mais violentos do Brasil, aqueles com mais de 67 assassinatos por 100 mil habitantes? No Nordeste brasileiro, nos rincões onde a presença do Estado é quase inexistente. grafico-folha-4.20.03
Para ficar por dentro do que rola no Por Quê?, clique aqui e assine a nossa Newsletter.
Siga a gente no Facebook e Twitter! Inscreva-se no nosso canal no YouTube! E curta as nossas fotos no Instagram :)


BLOG

Faça nosso teste e saiba como está sua saúde financeira!

QUERO FAZER O TESTE

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.