Para que serve o PIB?

A ideia do PIB é fornecer uma medida da produção total da economia. Ele mede a tal da atividade econômica de que tanto falam nos veículos de comunicação. Mas, quando transformamos tudo em dinheiro, um problema adicional aparece. E para essa medida ser mais exata, alguns ajustes podem ser necessários.

Suponha que a produção de todos os itens permaneceu constante de um ano para o outro, mas o preço de tudo dobrou. Isso fará com que o PIB também dobre, mesmo sem alteração nenhuma na produção!

Ou seja, sem ajustar pela mudança nos preços (inflação), essa medida de PIB não nos informa o que de fato está acontecendo com o produto gerado na economia.  Chamamos essa medida (que não ajusta pela inflação) de PIB nominal ou PIB a preços correntes.

O conceito de PIB real ou a preços constantes corrige esse problema. Especificamente, o PIB real mantém os preços parados em determinado ano (o chamado ano base) e deixa apenas as quantidades produzidas variarem. Por exemplo, se o ano base for 2014, para calcular o PIB real de 2015 avaliam-se as quantidades de todos os bens e serviços finais produzidos em 2015, mas aos preços de 2014.

Dessa forma, os dados de 2014 e 2015 tornam-se comparáveis: capta-se apenas a variação entre esses dois anos que surgiu da produção física, não da mudança de preços. No exemplo anterior, se as quantidades não mudarem e os preços dobrarem, então o PIB real permanecerá constante.

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.