A linha de tendência

Uma ferramenta complementar ao diagrama de dispersão é a linha de tendência. Basicamente, ajusta-se a reta que melhor se aproxima à nuvem de pontos descrita no diagrama. Se essa reta for ascendente, então as duas variáveis apresentam associação positiva: elas caminham juntas, e quando uma aumenta, a outra também tende a aumentar.

Por outro lado, uma reta descendente indica que uma associação negativa: quando uma variável cresce, a outra tende a cair.

Os gráficos abaixo mostram os mesmos diagramas de dispersão do cartão anterior, mas incluem as respectivas retas de tendência. No primeiro caso (nota de português contra nota de matemática), nota-se a relação positiva: a reta é ascendente. Além disso, a reta se aproxima bem à dispersão, o que indica que essa correlação é forte.

21284750_10154921425711344_2106359372_o

No segundo caso (altura contra nota de matemática), temos uma associação levemente positiva, praticamente inexistente – haja vista que a reta não se aproxima bem da dispersão de dados.

21277613_10154921425701344_751898510_o

Por fim, no terceiro caso (número de faltas contra nota de matemática) a reta de tendência é descendente, indicando uma correlação negativa.

21267697_10154921425706344_1958473569_o

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.