Verba da Previdência é

51639841_m

A grana da Previdência é usada para outras coisas pelo governo e, por isso, não precisa de reformas? Basta parar de fazer isso que as contas das aposentadorias ficarão no azul?

Você já deve ter ouvido isso por aí, quem sabe também tenha ficado com uma pulga atrás da orelha. Mas essa crença ignora não só os fatos, mas uma premissa econômica básica: os recursos são escassos.

A Previdência já custa o equivalente a 13% do PIB. A mesma proporção que o Japão, que já tem a pirâmide etária que o Brasil terá daqui a algumas décadas, com muitos velhinhos para poucos pagadores de impostos.

O governo gasta demais com aposentadoria. Na prática, na hora de distribuir a receita dos impostos, é a Previdência Social quem consome o dinheiro público de outras áreas - e não o contrário.

Tira grana da educação, inclusive. Ou seja, atrapalha o futuro dos mais jovens que vão se aposentar um dia. Perdem recursos também a saúde, o saneamento básico, a infraestrutura, a ciência, os programas sociais, etc.

O dinheiro, seja ele público ou privado, não é infinito. Gastar requer, portanto, racionalidade. No caso da grana dos impostos, em especial, é preciso acomodar as várias demandas da sociedade. E elas vão muito além de pensões e aposentadorias.

Gostemos ou não, a realidade se impôs: estamos cada vez vivendo mais e não dá para se aposentar tão cedo quanto, em média, se aposenta hoje no Brasil - por volta dos 55 anos.

A idade mínima para a Previdência próxima aos 65 anos, gostemos ou não deste governo, é imprescindível. Sem isso, as contas da Previdência não fecham e não sobra grana suficiente para outras necessidades tão importantes quanto uma velhice confortável.

Para ficar por dentro do que rola no Por Quê?, clique aqui e assine a nossa Newsletter.
Siga a gente no Facebook e Twitter!
Inscreva-se no nosso canal no YouTube!
E curta as nossas fotos no Instagram :)


BLOG

Faça nosso teste e saiba como está sua saúde financeira!

QUERO FAZER O TESTE
A falácia dos dividendos

A falácia dos dividendos

Realização

Bei editora

Apoio

CP+B
Usamos cookies por vários motivos, como manter o site do PQ? confiável ​​e seguro, personalizar conteúdo e anúncios,
fornecer recursos de mídia social e analisar como o site é usado. Para maiores informações clique aqui.